quarta-feira, 29 de junho de 2011

Só por hoje





E só por hoje queria te esquecer
e poder dormir sem querer ouvir tua voz
não acordar no meio da noite sentindo tua falta
e perder o sono pensando em você
Queria  rasgar tuas cartas, esquecer tuas poesias,
apagar tuas mensagens
mas é um pensamento em vão
por que sempre volto a me ver envolvida
desejando tudo de volta
Espero o dia de não desejar mais.

Então amanhã, não vou acreditar,
nem ouvir o que me disser
amanhã, vou me curar pro meu dia nascer melhor.

                                                                    Bruna Menezes
                                                                                   

27 comentários:

J.R. disse...

Adorei o texto!! Muito lindo!! Sentimentos verdadeiros de uma pessoa apaixonada!!! :)

Dreamer Girl disse...

Um ótimo texto. Aliás todos os textos que li aqui são lindos e muito bem escritos. Parabéns.

Abraços.

http://olhareseleituras.blogspot.com/

Ítalo Richard disse...

A paixão nos domina, nos possui, muitas vezes nos deixa sem fôlogo e rouba nosso espaço. Bom texto!

abraço,
www.todososouvidos.blogspot.comj

Fernando Brahm Junior disse...

Lindo o seu blog e mais divino ainda são teus textos muito bem formulados, de uma linguagem impecável e cheio de sentimentalismo. Parabéns!

Andy A. disse...

Texto bem bonito , me parece um amor meio sem esperanças por alguem que não vale a pena .

http://andyantunes.blogspot.com/

Vanessa Lau Lima disse...

Nossa perfeito para refletir

to seguindo me segue de volta

http://makeupaminhaasuaanossa.blogspot.com/

bejimmmmmmmm

Lívia Neves disse...

Queria exatamente isso, esquecer. Seus textos são muito bons, parabéns.

Urbano disse...

Às vezes o correto é se desplugar Bruna. Puxar a tomada totalmente. Até por uma questão de valorização própria. Abs.

André Felipe disse...

muita bacana, força no blog!

palavras ao vento disse...

nelas palavras... temos que viver cada dia...afinal a vida não um cota gotas...

JAILSON BATISTA disse...

lindas palavras, parabens!

www.simplesmentejaja.blogspot.com
www.jaylsonbatysta.blogspot.com

bjs

Kelly Christi disse...

viver o sofrer um dia e tentar renovar-se no outro... isso é encarar a vida...

http://www.pequenosdeleites.com.br

Luiza Jardim disse...

Ahhh... o tempo faz esquecer o que se deixou ficar para trás... e presentei com o que se faz ficar na eternidade...

http://ocotidianodecadadia.blogspot.com/

Até!

Samanta Azize disse...

Ficou muito bom e você escreve muito bem, parabéns.

Meu blog:
http://azizefashion.blogspot.com/
.
Minha page:
http://www.facebook.com/pages/AZIZE-FASHION/133491186723572
.

Jeh Pagliai disse...

E nada como o tempo, para fazer todas as feridas cicatrizarem...

Ps: Me lembrou muito a música da Pitty

Beijinhos

---
www.jehjeh.com

Francorebel disse...

Esse post me lembrou dos meus tempos de AA."Só por hoje", rs.

OWWWWW!!!

Brincadeirinha.

Seguindo.

F.

Urbano disse...

Bruna, tuas poesias tem boa dose de letra de MPB. Abs!

Cabeça Feminina disse...

adoorei os versos.

o pior eh qnd td acaba e vc tm a ctza absoluta q nao vai tr mais nda daquilo d volta pq vcs ja nao pertencem mais ao msm mundo =/


grande beijo e uma otima semana!!!

http://cabecafeminina.blogspot.com

Lucas Nuti disse...

Ai o amor novamente, acabando com as pessoas e as tornando poéticas!
______________________________________
http://www.alteregodonuti.blogspot.com/

Tássia F. Ferreira disse...

A gente sempre faz do amor impossível um vício, não é? Pena que não é a gente que escolhe, é o coração :/

Belo post! Passa no meu blog, gata :)

http://certasscoisas.blogspot.com/2011/06/moments.html

Maciel disse...

Oii estou te seguindo!
Ficarei muito feliz se vc visitar o meu blog e me seguir tb :)
Bjs

http://conversadeblogueiro.blogspot.com

Mari Lovers disse...

Maravilha de texto! Adorei

Luana Feres disse...

Gostei do titulo do blog, gosto dessa palavra. Gostei do texto também, bem escrito. :)
www.mulhergostadefalar.blogspot.com

CAMILA DE ARAUJO disse...

Da primeira vez que me apaixonei de verdade, tudo isso que vc escreveu fez sentido. Agora me policio quanto aos meus sentimentos para que os únicos caminhos que eu consiga ver sejam os das lágrimas percorrendo as linhas do lençól.

http://www.papel40kg.com/

Mayra Ribeiro disse...

O único problema é quando todo dia deixamos isso para o amanhã. A dor aumenta, a saudade duplica e o coração não aguenta. Ótimo texto!

José María Souza Costa disse...

Eu, vim lhe convidar a visitar o meu blogue. E se possivel, seguirmos juntos por eles.
Estarei lhe esperando lá.
Um abraço

Vanessa disse...

é o que nos resta ñ é aguardar os mistérios do amanhã torcer pra que eles estejam a nosso favor.